O que deves ter em conta no teu CV

Endereço de e-mail
Presta atenção ao teu endereço de e-mail. É muito giro ter um endereço engraçado, mas esse facto pode tirar toda a tua credibilidade, por isso endereços como “joaquimogato@hotmail.com” ou “mariaadoida@gmail.com” estão MESMO fora de questão😄 .

Cópia de FEIRA DE EMPREGO - S. VICTOR II (2)

Nunca envies o mesmo CV para várias empresas, principalmente ao mesmo tempo – sim, há quem continue a fazê-lo. Se tiver mesmo de ser pelo menos coloca os endereços de e-mail em “bcc” (em que os endereços de e-mail dos destinatários não aparecem mencionados).

Europass?
Nos CVs também existem modas e atualmente existe uma tendência que valoriza  CVs “one page” (de 1 página apenas), feitos à medida de cada candidatura e com uma identidade gráfica forte.

Na minha opinião pessoal deves utilizar o modelo Europass apenas se pretenderes enviar o CV para instituições governamentais ou entidades mais institucionais.

Dica: já aqui falamos no site canva, nele podes encontrar layouts engraçados e gratuitos para fazeres o teu CV.

Cópia de FEIRA DE EMPREGO - S. VICTOR II (3).png

PDF
Nunca! Mas nunca envies por e-mail o teu CV em formato WORD, é expressamente proibido! Ao enviares em formato WORD corres o risco do ficheiro desformatar completamente – quando o recrutador o abrir tudo o que vai ver é informação confusa. O formato PDF é, sem sombra de dúvida, o recomendado.

Evita colocar dados desnecessários com o estado civil, a nacionalidade e o género – acredita que, em caso de dúvida, o recrutador vai perguntar!

Muitas pessoas me tem perguntado se devem colocar (ou não) foto. Sinceramente, se não tiveres uma boa foto (e com “boa” quero dizer com um aspeto minimamente profissional) mais vale não colocares. Se ela for imprescindível o recrutador vai pedir.

Muita atenção ao auto-elogio. Quando constróis o teu CV podes ter tendência a reforçar algumas características que achas importantes (como por exemplo a tua capacidade de trabalhar em equipa ou a tua capacidade de organização) – mas atenção, por melhor que sejam as tuas intenções isso pode ser confundido pelo recrutador como auto-elogio.

Média de curso
Se tiveres uma média elevada, sim coloca. Se não for impressionante, não coloques (a não ser que te seja pedido).

Não envies certificados de habilitações. E porquê? Primeiro porque é uma seca um recrutador receber por e-mail um CV que tem anexado um grande número de diplomas (na maior parte dos casos, desnecessários). E depois porque isso torna os ficheiros pesados e “entopem” a caixa de entrada de e-mail do recrutador. Se ele quiser ver algum certificado ele vai pedir-to.

Cópia de FEIRA DE EMPREGO - S. VICTOR II (4).png

Hobbies
Porque é que um recrutador havia de querer saber que fazes jogging ou que gostas de pescar?

Por fim a mentira, sim, algumas pessoas tendem a mentir nos CV (principalmente no que diz respeito às línguas). É expressamente proibido, honestidade e humildade são características bem mais importantes.

No próximo artigo falarei sobre a importância de participares em eventos e do networking.
Cy’a#

Anúncios

One Comment Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s